Fundação Sanitus

Apresentação institucional

História

A Fundação SANITUS (FS) nasceu em 2005 a partir da vontade de dois médicos (Prof. Dr. António Rui Leal e Dr. António Verdelho Vieira) que viveram a experiência recompensadora do renascimento de uma IPSS com vocação para a saúde (LPPS) e que decidiram investir pessoalmente numa experiência fundacional, com novos espaços e dinâmicas. Assim, a primeira publicação dos estatutos da FS ocorre no DR de 22-11-2005, registando-se aqui o seu nome e logotipo inicial.

As suas atividades estiveram quiescentes até Out. de 2007. Em Novembro de 2007 a Fundação SANITUS renasce com a possibilidade de uma nova sede no Porto – Rua do Campo Alegre 1236, que “reanima” as várias dinâmicas iniciadas e a necessidade do seu reconhecimento definitivo. Surge assim, a 1.ª alteração dos estatutos por ata notarial em DR de 09-10-2007, e passam a concretizar-se alguns projetos públicos, como o “V Congresso Nacional de Fibromialgia” e a tradução do livro “Consentimento Informado” da UNESCO, com edição pelo Instituto Piaget.

A 2.ª alteração estatutária ocorre por ata notarial em DR de 20-05-2008, para se definirem agora e definitivamente os 3 médicos instituidorescom a entrada de um 3º médico (Dr. Carlos Oliveira) de Sta Maria da Feira e o seu novo património, e futura nova sede nos antigos espaços do Hospital de S. Paio de Oleiros (inclui 5 pisos e 4 pavilhões históricos de 1907), objeto de um contrato de usufruto por 30 anos, entre a SANITUS e a Fundação Comendador Joaquim Sá Couto, assinado em 20-06-09.

Um ano depois, em 4 de Maio de 2009 esta Fundação obtém o seu reconhecimento oficial pelo Ministério da Saúde, com registo na Direção Geral da Segurança Social lavrado pela inscrição n.º 3/09, a fls. 93 a 94 Verso, do Livro n.º 2, das Instituições com Fim de Saúde, enquanto Fundação de Solidariedade Social com vocação para a Saúde e UTILIDADE PUBLICA.

A partir destas novas dinâmicas e as possibilidades deste historial e local edificaram-se vários projetos, como do “Complexo Clínico e Geriátrico NOVA VITA” com uma abordagem multidisciplinar, assim como projetos de intervenção nacional e internacional como a “Balança da Saúde” (iniciado em 2005 no ICBAS), o “VI Congresso Ibero-Americano de Reabilitação Cardíaca e Prevenção Secundária e o projeto “Instituto Internacional de Investigação e Educação para a Saúde”, -realizados em Dez. de 2010.

Infelizmente, a grave crise nacional de 2011 a 2015, entre outros, veio a afetar os vários projetos aprovados e contratualizados com o Governo/ARSN, nomeadamente a construção e dinamização da Unidade de Cuidados Continuados de 60 camas (“Projeto NOVA VITA), mas as vontades e dinâmicas locais mantiveram-se, agora com avanços mais lentos, apesar das várias dificuldades. Em 2012, termina o primeiro mandato dos 3 Órgãos e inicia-se um segundo mandato Presidido de novo pelo Prof. Dr. António Rui Leal até 2017, ainda com base na motivação inicial da Fundação, de organizar debates interdisciplinares sobre temáticas pertinentes na Saúde como a Eutanásia / Distanásia, as Incapacidades Laborais e o Projeto VITABALANCE-MED de educação para a saúde. Passa-se a sua Sede Administrativa para o Porto– local original – realizam-se mais obras e parcerias no Ex-Hospital e define-se uma nova estratégia, mais light e de gestão partilhada para a manutenção do Complexo em S Paio de Oleiros, assim como se inicia a criação de um novo paradigma, de base “digital”. Em inícios de 2018, os 3 Órgão da SANITUS são assim impulsionados para um terceiro mandato, mantendo-se as motivações e dinâmicas anteriores, mas agora com base no Projeto MED-LINK PROJECT e em Projetos de EDUCAÇÃO /FORMAÇÃO, com uma vocação cada vez mais internacional.

Órgãos sociais - Quinquénio 2018-2023

Presidente
Prof. Dr. António Rui Leal (médico)

Vice-Presidente
Dra. Maria João Pato (advogada)

Vogal
Mestre Ivone Pinto (enfermeira)

Secretários/Executivos
Dra. Ana Pestana (gestora)

Secretários/Executivos
Suplente CA – Tomás Leal (web-designer)

Presidente
Dr. Luís Marrana (advogado)

Vice-Presidente
Dra. Dora Vieira (fiscalista)

Vogal
Prof. Maria Luísa Leal (professora ef)

Presidente
Dr. Verdelho Vieira (neurocirurgião)

Vice-Presidente
Dr. Óscar Rocha (gestor)

Dra Águeda Carvalho (cirurgiã)
Dr. Rodrigo Moreira (empresário)
Dr. Egas Moura (pediatra)
Dra. Carole Fournaise (filósofa – França)
Dr. K. N. Siddiqui (cardiologista – India)
Suplente – Prof. Dra Carla Lopes (psicóloga)
Suplente – Dra Mihaela Suceveanu (cardiologista- Roménia)